Como Diria Meu Gato – Só mais 6 DIAS!

OIoioi oioioi

Gente! Hoje eu vim falar com vocês sobre um Projeto que eu to tão apaixonada que não sei porcaudiquê que eu ainda não tinha visto ele antes. É assim: Ele junta GATO e LIVRO…

PRONTO

original

Xô explicar, a Manu Cunhas, é uma ilustradora que faz desenhos maravilindos. O Adote Um Ronrom é um Projeto de pessoas lindas que salvam gatinhos das ruas dando a eles lares felizes para que possam ter uma família e crescer feliz. A Manu, desenha para o Adote Um Ronrom e decidiu fazer um livro com várias tirinhas que contam algumas histórias da vivência com gatos.

11424779_599430843492700_8084292505291119469_o

Muitas das histórias são baseadas nas vivências dela com os seus gatinhos, e outras, no compartilhamento de experiência desse povo que é apaixonado por gato, como se desse para não ser.

Daííííííí, a Manu colocou no Catarse (olha o link ae) o seu projeto para arrecadar fundos para fazer o tal do livro. E SEM OOOOOR já até passou do mínimo que ela precisava para o livro acontecer… Mááááááááássssssss

+++++++

11700874_608291762606608_2584627433003484435_n

25% do valor do Projeto vai para o Adote um Ronrom e aí você imagina: quanto mais ajudar, mais ronrons felizes por aí! É isso aí. E a ajuda pode ser com 10, 20 30 reais… e você ainda pode receber o livro lindo da Manu, só vi vantagens, serião.

orcamento

Eu fiquei completamente enlouquecida, nem deu pra perceber, e quis ajudar né? Óbvio que eu já comprei o livro pra mim… Até a Mia resolveu deixar o recado dela, e nós fizemos um vídeo juntas… E depois de 4582 tentativas esse aí foi o que ficou “menos pior” rs

Anúncios

Gatos, gatos e mais gatos

Queria falar um pouquinho sobre os bichanos, sobre o quanto são incompreendidos e sobre como manipularam a minha mente para amá-los.

Eu nunca fui fã de gatos. Confessei! Sempre tive cachorro e sempre gostei muito de ter cachorro, eles são legais, companheiros e brincalhões. Mas quando nos mudamos para um apertamento meu marido começou a ponderar se ter um cachorro era viável, já que não teríamos tanto espaço e nosso tempo é bem escasso. Ele sempre amou gatos e deu a ideia de adotarmos um, no começo fiquei bem resistente, mas depois pensei, por que não? Casa sem bicho não é casa…

jogoloco

Nós fomos em uma feira de adoção que estava acontecendo em uma pracinha na Tijuca e foi lá que eu vi a minha escandalosa e orelhudinha MIA! Ela era a menorzinha de todos e estava muito muito magrinha… Seus irmãozinhos já tinha sido adotada e ela andava de um lado pro outro miando desesperada por atenção. Me apaixonei na hora. Peguei ela no colo e nunca mais tive coragem de largar!

521551_3698487014900_1610575588_n

Depois que a Mia chegou lá em casa eu descobri que gatos são legais, companheiros e brincalhões às vezes mais até que os cachorros. Ela não para um minuto quando chegamos em casa, pula, corre, brinca de esconder. Ela é mais ativa do a gente consegue acompanhar!

993786_10201015717249260_129396710_n

Mas ela quando chegou estava bem magrinha (tinha só 200g) e precisava engordar antes de tomar vacina. Então levamos ao veterinário e fizemos todo o acompanhamento necessário. Caso você queira adotar um bichinho não esqueça de vaciná-lo, isso é muito importante!

1ª dose de vacina quádrupla —————- 60 dias de vida
2ª dose de vacina quádrupla —————- 90 dias de vida
Anti-rábica ————————————- 90 dias de vida
Revacinação anual com vacina quádrupla e anti-rábica

Resumo: Eu me apaixonei tanto por gatos que agora só consigo pensar neles…

E se você é daquele tipo de pessoa que adora falar mal dos gatinhos, só tenho um conselho… Dê uma chance deles mostrarem como podem ser adoráveis, amigos e companheiros, eu dei minha chance e consegui uma amiga pra vida toda, olha só como a minha gordinha ficou depois de bastante whiskas sache e muito amor! Lindona né?

2013-02-24 23.54.29
Pode tocar aí I’m sexy and I know it!